PT EN
ESTÁDIO MUNICIPAL
RELVADOS APOIO
COMPLEXO DE PISCINAS
POLIDESPORTIVO
GIMNODESPORTIVO
PARQUE DESPORTIVO
SALAS INDOOR
PAVILHÃO MULTIUSOS
LABORATÓRIO
ALOJAMENTO
ALIMENTAÇÃO
GINÁSIO
HEALTH CLUB
FISIOTERAPIA
AUDITÓRIO
OUTROS SERVIÇOS
ESTÁGIOS DE FUTEBOL
ESTÁGIOS DE DESPORTO ADAPTADO
ESTÁGIOS DE TRIATLO
ESTÁGIOS DE NATAÇăO
OUTROS ESTÁGIOS
ATIVIDADE MUNICIPAL

|


[2011-05-11]

/ SELECCIONADOR DE BASQUETEBOL FEMININO MOSTRA AMBIÇÃO


Seleccionador de basquetebol feminino mostra ambição

Durante as últimas semanas a selecção principal de basquetebol tem estagiado com alguma regularidade no Centro de Estágios e Formação Desportiva de Rio Maior, em preparação para a segunda volta do torneio europeu da segunda divisão. Numa entrevista ao site da Desmor, Ricardo Vasconcelos, seleccionador nacional aponta um duplo objectivo para os próximos jogos oficiais de Portugal, contra a Suécia, fora de casa e depois, os últimos dois jogos, com a Noruega e a Dinamarca: «Temos o objectivo principal de melhorar o ranking da selecção, já que inicialmente tínhamos previsto que esta fase de apuramento da segunda divisão europeia permitisse ascender à primeira divisão. No ano passado, disputou-se a primeira volta e entretanto a FIBA alterou a forma como se fará a fase de apuramento para o próximo campeonato da Europa. A partir do próximo ano todas as selecções estarão incluídas na mesa fase de qualificação, para se determinar, mais tarde, um grupo de 16 selecções finalistas. Portanto, estes jogos servem para que Portugal os tente vencer e com isso melhore o seu ranking, possibilitando que depois estejamos mais bem posicionados no sorteio dos grupos de apuramento para o Campeonato da Europa», declarou o seleccionador nacional de basquetebol feminino, ao site da Desmor.
 
Os próximos jogos, que vão decorrer entre 5 e 11 de Junho, são também um teste importante para que o seleccionador nacional possa ensaiar uma primeira fase de renovação da selecção: «Quero aproveitar estes jogos para testar novas soluções e encontrar uma nova harmonia entre a experiência existente e os novos talentos que estão a despontar em Portugal. Não é propriamente o ano zero, porque não deitámos fora todo o trabalho que está feito, mas este torneio será uma boa oportunidade para começar a integrar novas jogadoras, que se têm destacado. O basquetebol feminino português está a evoluir, existe um conjunto de talentos que se começam a destacar e a selecção tem de criar condições para que esses talentos se expressem», confiou Ricardo Vasconcelos.
 
Para o seleccionador nacional, não é utópico pensar que Portugal pode conseguir o apuramento, daqui a dois anos, para a fase final do próximo Europeu de basquetebol feminino: «Não é utópico, porque se está a trabalhar bem na selecção e nos clubes. Também não é uma promessa, porque não garanto que o consigamos, porque depende do sorteio, do cabeça de série que nos calha, enfim de um conjunto de circunstâncias que não controlámos. Mas é possível que Portugal consiga o apuramento para o próximo Europeu de basquetebol feminino», terminou Ricardo Vasconcelos, numa entrevista exclusiva ao site da Desmor,  durante mais um estágio da selecção feminina de basquetebol, no Centro Estágios e Formação Desportiva de Rio Maior.



AGENDA


DSTQQSS
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Tel: +351 243 999 700
Email: geral@desmor.pt
Copyright © 2015 DESMOR Desenvolvimento e Design: iconO2